Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]












Palmilhas Footbalance

por Tralhas, em 24.06.14

No início deste mês, decorreu na Sport Zone do C.C. Colombo a apresentação das palmilhas FootBalance.

Agradeço desde já, a oferta e a experiência de poder obter as minhas palmilhas personalizadas - que estão agora ao alcance de qualquer um, sem ser necessário consultas complicadas com especialistas, locais específicos de terapias alternativas, etc :D

A ideia é maximizar o conforto do pé, moldando cada palmilha para uma adaptação perfeita, ajudando a obter um alinhamento apropriado, melhoria na performance e consequentemente, melhor prevenção de lesões e conforto :)

O processo é simples e relativamente expedito (uns 10 minutos). Esta máquina toda futurista, diz-nos o nosso tipo de passada e possíveis lesões - um especialista faz a análise do gráfico térmico, e descobri que o meu pé alinhou para uma posição neutra :) o que eu já desconfiava porque as sapatilhas Asics me estavam a causar desconforto :/ O especialista, também vai verificar o alinhamento da perna, para perceber se há pronação ou supinação.

Pés nas esponjinhas e a palmilha já quente a sair do "forno" vai moldar ao nosso pé! Quase instantaneamente ela fica rija e ao mesmo tempo tem a quantidade necessária de amortecimento!

Apenas faço esta review agora, porque é aconselhável um periodo de adaptação, de 2 horas por dia... bom, estive a adaptar-me e a colocar a palmilha nas minhas várias viagens casa/escola/trabalho :D Há sapatos que ela não entra. Mas regra geral consigo colocar em todos. Além disso, ela no início é sempre muito rija! Até que começamos a sentir um maior conforto, é progressivo.

O que notei logo foi o cansaço nas pernas que diminui exponencialmente, já que eu caminho muito e subo escadas etc...

Penso que o preço é um pouco exagerado já que custam 49€/59€, se tivesse de inúmerar uma desvantagem é o facto de não se adaptar a qualquer tipo de calçado - mas não se pode ter o melhor dos dois mundos :) Em velocidade, sinto que aumentou ligeiramente o peso da sapatilha.

Como os homens têm menos variedade de sapatos que as mulheres, penso que se adaptam melhor a estas palmilhas!

O investimento faz sentido principalmente para quem passa algum tempo em pé :D (ex. Lojistas!) Um ponto que gostava também de chamar a atenção, é que realmente ninguém tem os dois pés iguais, e termos um meio de "agradar" aos dois é perfeito! Sem dúvida que vou continuar a utilizar no meu dia-a-dia :)O evento contou com a presença de alguns campeões :D e de duas das minhas atletas favoritas!

Autoria e outros dados (tags, etc)


Marginal à Noite 2014

por Tralhas, em 15.06.14

E aqui estava eu para mais uma Marginal à Noite - versão 2014

Fiz 36 minutos e 08 segundos (fiquei em 32º), a uma passada muito próxima de 4'50. O que significa, que para mim é péssimo. Normalmente, em corridas curtas aqueço 1km/2km para sair já a disparar, e desta vez fiz o mesmo mas quando a corrida começou e eu comecei a correr após os 2 primeiros km's, o meu corpo não reagiu!!

Parecia que não tinha treinado, que não tinha andado a correr, enfim... o meu corpo não estava a responder aos meus comandos. Ah e aí lembrei-me que até estava com uma bronquite aguda e que até estou a tomar antibiótico e charope... julgava eu que o meu corpo não iria limitar a minha vontade e o meu querer. Mas limitou.

O facto da minha saúde não estar a 100% realmente não me permitiu desenvolver. Entretanto, passam-se uns 5km e com a tosse e com os escarros lá me deu aquela dorzinha pela barriga eheh que filme! Só me apetecia ir a caminhar, mas isso never.

Não consegui fazer a minha média de 4'30, para o calor que estava era esse o meu objectivo. Quando terminou a prova, arranquei aquela camisola "técnica" da Outspace (esta marca é má o suficiente para cada uma das camisolas que já experimentei, não arejar o suficiente o corpo), só me estava a atrapalhar e tive de recuperar o folego... correr com bronquite a estas velocidades nop!

Corri com as minhas Skechers Ultra, recomendo vivamente, ADORO-AS! Aliás, substituí as Asics Kayano 19 por estas... pelo menos até me passar a lesão do joelho. Foi uma corrida boa, estavam 27º :)

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


Bes Run Challenge

por Tralhas, em 09.06.14

A minha amiga (Cláudia) ofereceu-me o dorsal para a Bes Run, última prova com o mote "Santos Populares". 

Ora uma vez que estou a reforçar tendões e músculo tenho feito distâncias a ritmos mais lentos, pelo que a minha ideia era fazer 5'30 (passada) para terminar os 10km a 53min logicamente :D 

Aproveitei que o Filipe está a treinar e fui ao passo dele, que faz em média estes tempos para 10km. 

Fui com a minha camisola e corsários Asics, e as grandes sapatilhas da Skechers, as Ultra. Mais uma vez, portaram-se lindamente e acho que acabei de reformar as minhas kayano 19... R.I.P!

No final da corrida, a organização ofereceu um manjerico, a medalha para quem foi às 4 provas, e distribuiu imperiais e massagens :)

Foi um treino agradável em boa companhia... mas fiquei a pensar, sendo que os meus tempos para 10 km em velocidade rondam (antes da lesão) 41 minutos, teria ganho uma viagem a NY :(

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


Trail Noturno por Monsanto

por Tralhas, em 06.06.14

 E que tal um trilho noturno por Monsanto?

Desta vez, levei as minhas Salomon Speedcross 3, e não me deixaram minimamente ficar mal... o meu desempenho deve-se sobretudo a este calçado, até porque em descidas íngremes são elas que agarram ao solo duma forma mágica!

Fizemos 12 km e pouco, saímos ainda com a luz do dia às 20:30 mas rapidamente caiu a noite... o que é bom porque assim podemos fazer o nosso xixi no meio do mato que ninguém vê :D 

Levei comigo a estreante Guida que pode não ter aguentado muito tempo, mas ganhou a quem ficou no sofá! Eu e o Marco levamos a Guida de volta, e tivemos de recuperar o tempo perdido... e encontrar o resto do grupo lá pelo mato!

Fomos sempre a subir, e com velocidade!

Viemos a encontrar o resto do grupo depois de uns telefonemas, na "subida do cozido" eheh a subida tem 2km e tem um nível de dificuldade bastante acentuado.

Mesmo com o joelho ainda lesionado da tendinite, não tive dores nenhumas, e prossegui normalmente :) não caí nem sofri escoriações... desta vez!!

O que mais gosto no trail é o total controlo que temos de ter dos nossos passos, porque um pé em falso à velocidade que vamos pode significar uma lesão grave; o que em estrada não sucede, podemos ir bem mais relaxados porque sabemos que não vai aparecer do nada uma raíz de uma árvore centenária para nós tropeçarmos :D

O tempo ajudou, pouco vento e pouco frio. Como levo tempo a suar tive de levar corta-vento, e o da imagem comprei por 15€ na SportsDirect.

O grupo é espetacular, aquele espírito de entreajuda faz-nos elevar o espírito! E são conhecedores de Monsanto, thank god! Um deles, é que desenha no GPS o percurso e nós vamos atrás de lanterninhas acesas :)

Como estava com pouca bateria no iPhone não fiz o tracking da minha corrida :(

Quando cheguei a casa por volta das 22:30, banho, xixi, cama :)

Autoria e outros dados (tags, etc)

Sim o Nuno Gomes é um rapaz do desporto... foi ele que apadrinhou um treino solidário do Correr Lisboa, onde levei pela primeira vez as minhas Skechers GOrun Ultra a passear, junto com um saco de atum e massas para dar à instituição Casa das Cores.

Aproveitei este treino, que foi no Parque das Nações com algum piso irregular e com um pouquinho de líquido no joelho, para percorrer os 10km a um ritmo super confortável, talvez de 6'10... para reforçar o joelho :) a ver se este líquido vai embora...

As sapatilhas são ideais para corridas de recuperação de uma lesão, devido ao conforto que proporcionam ao pé e ao nível de amortecimento (que é elevado!). Fiquei tão feliz quando terminei os 10km e não senti o joelho uma única vez, nem parecia que estava com uma pequena lesão. E passado 48horas não piorei.

Sendo assim, são umas sapatilhas versáteis para levar para corridas longas, ou para o meio de um terreno com paus e pedras :) a biqueira está reforçada e tem um rasto saliente! Portanto, agarra bem ao piso irregular.

O que também me surpreendeu foi o facto de serem umas sapatilhas bem arejadas, que não abafam o pé. Levei uma meia bastante grossa de running, e não tive problemas de sobreaquecimento, sendo que foi uma manhã com bastante Sol!

Pelo que li a marca indica que, as sapatilhas têm uma sola dupla, com dois tipos de densidades diferentes, que proporcionam uma maior absorção do impacto da corrida. A combinação de duas tecnologias Skechers – Resalyte®, na sola intermédia, e Resagrip®, na sola exterior – promovem uma maior estabilidade (dão mais apoio ao pé) e maior controlo do exercício, para os atletas mais avançados.

Além desta combinação inovadora, este modelo tem ainda a sola com mais Resalyte® que qualquer outro modelo da marca, resultando assim numa amortização extra, muito importante para os corredores menos avançados.

Como é possível verificar, é uma sapatilha minimalista e versátil!

Algo que me agradou é o facto da "língua" da sapatilha está costurada nas laterais do sapato, ou seja como o meu pé é muito magro, regra geral a língua descai sempre para um dos lados. Não sucedeu com este equipamento. 

No entanto, o facto da língua estar presa e eu ter um pé magro acontece que há um excesso de língua que "aglomera" e acumula tecido no peito do pé. Tenho este problema com outras marcas de sapatilhas, e por isso não convem ajustar demais os cordões ou vai piorar e causar dor no peito do pé.

A Sandra do Correr Lisboa e toda a team a dar as boas vindas ao grupo do running! :) 

Estas sapatilhas não as largo mais, excelente reforço no calcanhar, na planta do pé, e não me fez uma única bolha, para uma primeira corrida que para muita gente não é pequena :)

Adorei o treino e a manhã animada na companhia destas duas amigas e leitoras do blog, que aparecem na foto! :) Bem como o Nuno, que estava ocupado a tirar a nossa fotografia com a vedeta eheh

Quando cheguei, tomei a proteína e fui logo fazer uma aula de RPM no Holmes Place (sim com estas sapatilhas) e nem senti o fim e o início do pedal da bicicleta! Excelente...

E como de costume ou me esqueço de meias ou cuecas para depois do banho, nem de propósito no Sábado esqueci-me das meias! Fui com as sapatilhas sem meias e ficou provado o que já considerava... as sapatilhas são das mais confortáveis e leves (em relação à sua estrutura) que já calcei.

A linha Skechers GOrun Ultra está disponível nas lojas Skechers no Almada Fórum, Dolce Vita Tejo, C.C. Colombo, C.C. Vasco da Gama, na Sport Zone e outros pontos de venda autorizados, a partir de 79,95€.

Também disponível com outros esquemas de cores :) Well done, Skechers Performance Division!

Run hard!

Autoria e outros dados (tags, etc)



Mais sobre mim

foto do autor




Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D






Instagram